Porquê web acessível?

Um site acessível é um site que chega a mais utilizadores, reduzindo as barreiras que dificultam o acesso à informação das pessoas com qualquer tipo de limitação ou deficiência. Na Blue Line, acreditamos nas potencialidades da web acessível não apenas numa ótica de responsabilidade social, mas também na ótica do nosso cliente. A uma maior acessibilidade está inerente um melhor nível de usabilidade para os seus utilizadores, que chegam mais facilmente àquilo que procuram e interagem com maior facilidade com o site, independentemente do dispositivo (telemóvel, desktop ou tablet) ou browser utilizado (Chrome, Safari, Firefox ou Edge).

 

Segundo o INE, em 2011, 40,5% das pessoas entre os 15 e os 64 anos tinham algum tipo de limitação ou deficiência.Em 2016, estimava-se que cerca de 27 659 pessoas não conseguissem ver e 26 860 não conseguissem ouvir.

A isto acresce a circunstância de 9% das pessoas, em Portugal, ter várias limitações a nível da visão. E, sendo que 5,5% da população teria dificuldades de memória e concentração. A importância deste ponto reside no facto da internet ser, muitas vezes, o primeiro contacto que existe entre a sua instituição e o utilizador ou visitante em questão. Segundo um estudo da PORDATA, 66,8 % da população portuguesa utiliza regularmente a internet.

Ser detentor de um site acessível significa que está a seguir as normas definidas pela WCAG 2.0 e que vai de encontro ao exposto na Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência que define o direito destas pessoas ao “acesso, em condições de igualdade com os demais (…), à informação e comunicações, incluindo as tecnologias e sistemas de informação e comunicação”. A sua instituição ou empresa estará assim a garantir as melhores práticas de responsabilidade social ao seu público, sendo seguramente premiada por isso.

Um site acessível permite autonomia a quem não a tem fora do mundo virtual, estabelecendo estes utilizadores uma relação de lealdade com a sua instituição que resulta numa maior retenção de clientes.

Uma página mais acessível, gera assim mais acessos, um maior número de páginas lidas e mais tempo dedicado ao site pelos utilizadores. E, mais tráfego contribui para melhorar o posicionamento nos motores de busca, atraindo ainda mais utilizadores e clientes para o seu site.

Ao possibilitar uma igual oportunidade com a interação com site, está também a contribuir para um mundo mais justo e igualitário.

Porquê a Blue Line?

Somos especialistas em comunicação multiformato para a acessibilidade e a inclusão, com uma experiência de 13 anos no setor.

Na Blue Line ajudamos os nossos clientes a atingir uma clara vantagem competitiva neste campo através da nossa experiência e conhecimento no campo da acessibilidade.

Tornamos o site da sua instituição ou empresa responsivo, inclusivo e acessível, aumentando a sua abrangência. Seguimos os melhores princípios estabelecidos pela WCAG 2.0 o que garante sites:

  • • Percetíveis – Através da presença de textos alternativos e conteúdo não-textual que tornem a informação fácil de ver e ouvir;
  • • Robustos – O que consta no site é compatível com os vários browsers e dispositivos;
  • • Compreensíveis - A lógica e organização do conteúdo é previsível. Os utilizadores são ajudados através de instruções, facilmente corrigindo qualquer erro que cometam a preencher formulários, por exemplo;
  • • Operáveis – Os utilizadores conseguem navegar sem problemas pelo site, tendo tempo suficiente para ler os textos e, se necessário, conseguindo chegar a qualquer página ou botão com maior facilidade.